Guarda Compartilhada é Regra!


Guarda compartilhada é regra! Conforme a Recomendação nº 25 de 22 de agosto de 2016, do Conselho Nacional de Justiça, a Guarda Compartilhada deve ser considerada como regra, devendo, ainda, o magistrado que decretar a guarda unilateral, justificar a impossibilidade da guarda compartilhada. Assim está redigida a Recomendação do CNJ: Art. 1º. Recomendar aos Juízes das Varas de Família que, ao decidirem sobre a guarda dos filhos, nas ações de separação, de divórcio, de dissolução de união estável ou em medida cautelar, quando não houver acordo entre os ascendentes, considerem a guarda compartilhada como regra, segundo prevê o § 2º do art. 1.584 do Código Civil. § 1º Ao decretar a guarda unilateral, o juiz deverá justificar a impossibilidade de aplicação da guarda compartilhada, no caso concreto, levando em consideração os critérios estabelecidos no § 2º do art. 1.584 do Código Civil.

- O Escritório Pollak & Pollak, estabelecido em Campo Grande, MS, possui como sócios fundadores os advogados Paulo Rogerio Pollak e Fabiana Dutra Rodrigues Pollak e atende a clientes em todo o Brasil e exterior.


Seja qual for a sua dúvida, fique à vontade para nos contatar a qualquer momento!

Posts Recentes

Arquivo

Siga-nos

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon

©2004 Pollak Advogados Associados