Cirurgia plástica reparadora para paciente de bariátrica deve ser paga pelo plano de saúde


Para a Terceira Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), operações plásticas reparadoras para a retirada de excesso de pele em pacientes submetidos a gastroplastia (cirurgia bariátrica) devem ser custeadas pelos planos de saúde.

Com esse entendimento, o colegiado confirmou acórdão do Tribunal de Justiça do Distrito Federal que condenou uma operadora de plano de saúde a cobrir os custos de cirurgia reparadora e indenizar a paciente por danos morais decorrentes da recusa indevida de cobertura.

A decisão consolida a jurisprudência sobre o tema nos órgãos de direito privado do STJ. Também a Quarta Turma, ao julgar um processo semelhante em 2016, entendeu que, havendo indicação médica sobre a necessidade de cirurgia reparadora (no caso analisado, mamoplastia) em paciente submetida à redução do estômago, não pode prevalecer a negativa de custeio da intervenção indicada.

Esta notícia refere-se ao(s) processo(s):REsp 1757938

#advogado #direito #advocacia #oab #advogada #o #a #law #direitopenal #direitocivil #direitoporamor #justi #advogados #amodireito #concurso #lawyer #rio #brasil #direitodotrabalho #concursopublico #concurseiro #estudantededireito #direitodoconsumidor #empreendedorismo #adv #foco #concursos #medico #concurseira #direitoadministrativo #lei #direitodefamilia #juridico #estudos #dico #estudaquepassa #direitoempresarial #estudaqueavidamuda #advocaciaporamor #estudar #empresario #penal #escritorio #coach #justica #direitotributario #empreendedor #medicina #direitonews #repost #magistratura #dentista #dicas #sucesso #marketing #engenheiro #consumidor #processopenal #concursospublicos


Posts Recentes

Seja qual for a sua dúvida, fique à vontade para nos contatar a qualquer momento!

Arquivo

Siga-nos

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon